crédito: João Caldas

Atriz, diretora teatral, arte-educadora e pesquisadora. Diretora geral do Célia Helena Centro de Artes e Educação que reúne a Escola Superior de Artes Célia Helena (ESCH), o Teatro-escola Célia Helena (TECH) e a Casa do Teatro.

 

Formada em Educação Artística, é doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Teoria Literária e Literatura Comparada da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH-USP).

 

Iniciou suas atividades artísticas aos 16 anos no curso de orientação teatral do Teatro-escola Célia Helena. Participou nos anos de 1980 do Grupo de Teatro Macunaíma, sob a direção de Antunes Filho, representante do Brasil nos festivais internacionais de países da América Latina e Europa.  Nas viagens, uniu ao exercício profissional como atriz, visitas a instituições e escolas com cursos de teatro para a infância e juventude, e em 1983, fundou a Casa do Teatro, com um curso de teatro para crianças e jovens da cidade de São Paulo.

 

É diretora geral do Célia Helena Centro de Artes e Educação, que reúne a Escola Superior de Artes Célia Helena (ESCH), com cursos de graduação e pós-graduação e o Teatro-escola Célia Helena (TECH), com curso profissionalizante para formação de ator. É idealizadora de projetos para o intercâmbio, reconhecimento e estudos sobre as aproximações e diferenciações entre os países da América Latina.  É editora dos livros Conexões: Nova Dramaturgia para Jovens, publicação bilíngue anual do Projeto Conexões e, desde 2009, da revista acadêmica Olhares.

 

Acumula vasta experiência como atriz no cinema, televisão e teatro, tendo trabalhado com grandes diretores nacionais como Antunes Filho, José Celso Martinez Corrêa, Ron Daniels, Fauzi Arap, Flávio Rangel, Flávio de Souza, Roberto Lage, Hamilton Vaz Pereira, Sérgio Bianchi.

DIRETORA TEATRAL

2011 – "Eu também quero um profeta", de Ximena Escalante. Temporada: junho de 2011. Teatro Laboratório Célia Helena.

2010 – "Mulheres que bebem vodka", de Victor Hugo Rascón Banda. Temporada: Centro Cultural Banco do Brasil - CCBB/SP.

2010 – "Enfermaria n. 1-6." Encenação de contos de Anton Tchékhov, com cenografia da russa Maria Volskaia. Integrou as atividades realizadas pela Fundação Nacional de Teatro – FUNARTE/SP em comemoração aos 150 anos de Tchékhov.

2003 – "Estrelas do Orinoco", de Emilio Carballido. Temporada: Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB/SP.

2001 – "Pulsações, os alegres e tristes sofrimentos da gente." Poemas e textos de autores diversos. Temporada: junho de 2001. Teatro Laboratório Célia Helena.

1996 – "Um céu de estrelas", adaptação do livro de Fernando Bonassi. Prêmio Jornada SESC de Teatro de 1996.

1995/96 – "O auto da compadecida", de Ariano Suassuna. Grupo de teatro da TELESP.
Temporada: Teatro CENARTE.

1995/96 – "Numa tarde de terça-feira." Espetáculo de dança com Marina Mesquita e Paulo Contier. Temporada: Centro Cultural São Paulo/Sala Jardel Filho.

CINEMA - ATRIZ

2014 – "A cidade imaginária." Roteiro e direção: Ugo Giorgetti. Fotografia: Rodolfo Sánchez. Trilha sonora: Mauro Giorgetti. Produção: SP Filmes de São Paulo.

2014 - " Anos Depois." Roteiro e direção: Esmir Filho e Mariana Bastos. Produção Saliva Shots. Produção executiva: Esmir Filho e Thereza Menezes; Direção de Produção: Daniel Favaretto; Direção de Fotografia: Marcelo Trotta; Direção de Arte: Marcelo Escañuela; Direção de Som: Martin Grignaschi; Montagem: João Maia e Tati Vesch.

2014 - "Dia estranho." Diretor: Flavio Rossi. Roteiro: Luiz Caramez. Produtor: Sérgio Kieling. Direção de Produção: Toninho Gomes, Sérgio Kieling. Produtora: Mamute Filmes.

2014 – "São Paulo é uma festa." Direção: Vera Egito. Trilha sonora: Thiago Pethit e Camila Cornelsen. Direção de fotografia: Camila Cornelsen. Produção: Paranoid.

2008 – "Bonitinha mas ordinária." Direção: Moacyr Góes.

2003 – "Vida de menina." Direção: Helena Solberg.

2002 – "O Príncipe." Direção: Ugo Giorgetti.

2000 – "Cronicamente Inviável." Direção: Sérgio Bianchi.

1998 – "Os três zuretas." Direção: Cecílio Neto.

1996 – "Um céu de estrelas." Roteiro: Fernando Bonassi. Direção: Tata Amaral.
Personagem: Repórter

1994 – "A causa secreta." Direção: Sérgio Bianchi.

1994 – "O efeito ilha." Direção: Luiz Alberto Pereira.

1992 – "Oswaldianas." Direção: Júlio Bressane.

1992 – "Chuá", de Mirela Martinelli.

1991 – "Viver a vida" (curta-metragem). Direção: Tata Amaral.

1990 – "Amargo prazer." Direção: Roberto Moreira.

1989 – "Dov'è Meneghetti?." Direção: Beto Brant.

1988 – "História familiar" (curta-metragem). Direção: Tata Amaral.

TELEVISÃO - ATRIZ

2015 – "Sete vidas", de Lícia Manzo. Rede Globo de Televisão.

2014 – "Buuu." Minissérie. Direção: Chris Couto. Rede Globo de Televisão.

2010 – "Viver a vida" – TV Globo

2009 – "Por toda minha vida" – TV Globo.

2009 – "Som & Fúria", adaptação de "Macbeth", de William Shakespeare – TV Globo.

2009 – "Trago comigo" – TV Cultura. Direção: Tata Amaral.

2007 – "Sete Pecados", de Walcyr Carrasco – TV Globo.

2006 – "Páginas da vida", de Manoel Carlos – TV Globo.

2004 – "Metamorphoses" – TV Record.

2002 – "Esperança", de Benedito Ruy Barbosa – TV Globo.

1991 – "A História de Ana Raio e Zé Trovão", de Marcos Caruso – TV Manchete.

1986 – 'Procura-se um Papai Noel." Direção: Marcelo Barreto e Ignácio Coqueiro. TV Globo.

TELEVISÃO - APRESENTADORA

2002 – "Euro curtas." Eurochannel.

1988 – "Revistinha." Programa diário infanto-juvenil. TV Cultura.

1986 – "Sábado ao vivo." Programa semanal ao vivo. Direção: Antonio Carlos Assumpção. TV Cultura.

1986 – "Teletema." Programa semanal ao vivo. Direção: Antonio Carlos Assumpção. TV Cultura.

1985 – "Caleidoscópio." Programa semanal. Direção: Antonio Carlos Assumpção. TV Cultura.

1980 – "Boca do Forno." Programa semanal com Etty Fraser. Direção: Luís Gallon. TV Tupi.

SEMINÁRIOS E EVENTOS

2016 - Participação no Encontro Internacional de Escolas de Teatro, organizado pela Global Alliance of Theater Schools (GATS) e ENSAD. O convite possibilitou mais um acordo de cooperação cultural entre ESCH/Brasil e ENSAD/Peru.

2015 - Seminário São Paulo: Cena Contemporânea. Diretora executiva. Teatro Célia Helena: 25/01 a 06/02/2015. Realização: Escola Superior de Artes Célia Helena. Copatrocínio: Instituto Raul Cortez e Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo.

2015 - Seminário São Paulo: Cena Contemporânea. Mediadora da mesa de discussão: Como nascem os atores, com Antonio Luiz Dias Januzelli e Matteo Bonfitto. Teatro Célia Helena: 03/02/2015. Realização Escola Superior de artes Célia Helena. Patrocínio: Instituto Raul Cortez e Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo.

2012 – Membro da comissão julgadora do Festival de los Premios Búho. Realização: Canal 10/Uruguay
– Abertura do Festival Ibero-americano de Artes Cênicas de Santos – MIRADA. Realização: SESC/SP.
– Leitura dramática do texto "La Boule d’Or", de Jean-Pierre Sarrazac. Direção: Nelson Baskerville. Local: Espaço CPT/SESC – 7º andar.

2011 – Palestra: Teatro Mexicano. 24° Festival Internacional de Blumenau. Realização: Universidade Regional de Blumenau – FURB.
– Leitura dramática do texto "Os aposentados da memória", de Pirandello, no Projeto Letras em Cena. Museu de Arte de São Paulo-MASP.
– Programa: Sala de notícias. Apresentação: Amanda Pinheiro. Tema: Arte e ensino: a formação do ator. Realização: Canal Futura.

2010 – III Festival Ibero-americano de Teatro de São Paulo/FESTIBERO. Tema: Escolas de Formação. Realização Memorial da América Latina.
– Encontros sobre Cinema e Psicanálise. Tema: Crimes e pecados. Realização: Sociedade Brasileira de Psicanálise e Cinemateca Brasileira.
– Membro da comissão de seleção das peças do 23° Festival Internacional de Teatro Universitário de Blumenau. Realização: Universidade Regional de Blumenau – FURB.
– IV Congresso Internacional de Pesquisa (Auto) Biográfica – CIPA. Espaço (Auto) Biográfico: Artes – Viver, Conhecer e Formar. Realização: Faculdade de Educação da USP.
– Seminário: Encontros com Shakespeare. Tema: Shakespeare e o Ator. Realização: SESC/SP. Curadoria: Cia. Elevador de Teatro Panorâmico.
– Abertura do Festival Ibero-americano de Artes Cênicas de Santos – MIRADA. Realização: SESC/SP.
– VII Fórum sobre Educação e Competência. Tema: A importância da Expressão Teatral no Currículo Escolar. Realização: Centro Universitário Belas Artes de São Paulo.

2009 – Conferências mensais do Fórum do Campo Lacaniano SP, Evento temático: Psicanálise e corpo. Palestra: a formação do ator. Realização: Espaço Contraponto.
– Membro da comissão de seleção das peças do 22° Festival Internacional de Teatro Universitário de Blumenau. Realização: FURB – Universidade Regional de Blumenau.

2008 – Membro da comissão de seleção no 12º Festival Nacional de Teatro Infantil de Blumenau.
– Festival Internazionale de Teatro e Cultura per La Prima Infanzia. Oficina: Cavalo marinho. Bologna, Italia.

2007 – Seminário: Lilás – mulher de todas as artes. Palestra: a mulher no teatro. Realização: Centro Cultural São Paulo.

2006 – Membro da Comissão de seleção dos espetáculos no 20º Festival Festival Universitário de Teatro de Blumenau. Realização: FURB – Universidade Regional de Blumenau.

2005 – Mostra de Teatro Universitário de Brasília. Apresentação do espetáculo "A entrevista", de Samir Yazbek, direção de Marcelo Lazzaratto. Oficina de preparação do ator.
– Membro do juri do 19º Festival Universitário de Teatro de Blumenau Realização: FURB – Universidade Regional de Blumenau.
– II Conference/Festival Latin American Theatre Today. Tema: A transposição da dramaturgia de Emilio Carballido: Orinoco ou a floresta amazônica invade o México. Realização: University of Connecticut.
– Seminário sobre Bertolt Brecht e Viola Spolin. Coordenação: Ingrid Koudela.

PREMIAÇÕES

2006 – Prêmio Jornada SESC de Teatro com "Um céu de estrelas", de Fernando Bonassi e Jean-Claude Bernadet.

2005 - Indicada ao Prêmio Shell. Categoria melhor atriz. Espetáculo: "A entrevista", de Samir Yazbek.

1999 – Prêmio Mambembe. Categoria melhor atriz coadjuvante. Espetáculo: "Cacilda!", de José Celso Martinez Corrêa.

1982 – El espectador y La Crítica, Madrid. Espetáculos: "Macunaíma" e "Nelson Rodrigues, o eterno retorno". Melhor grupo de teatro.

1981 – APCA – Associação Paulista de Críticos de Arte. Atriz revelação pelo conjunto de trabalhos. Espetáculos: "Macunaíma" e "Nelson Rodrigues, o eterno retorno".
Temporadas e apresentação em festivais de teatro com os espetáculos "Macunaíma" e "Nelson 2 Rodrigues". Direção de Antunes Filho.

TEATRO – ATRIZ

2016 - "Garrincha". Direção, cenário e conceito de luz: Robert Wilson. Texto e dramaturgia: Darryl Pinckney. Teatro Paulo Autran. SESC Pinheiros. Temporada: 23 de abril a 26 de maio de 2016.

2015 - "Colaboração horizontal", texto e direção de David Leddy. Tradução: Marco Aurélio Nunes. Cenografia, iluminação e figurino: Fire Exit. Elenco: Lígia Cortez, Fernando Nitsch, Thais Friedmann e Vinicius Meloni. Auditório de Artes/ESCH, 9 de junho.

2014 – "Perfomances: histórias". Idealização: Lígia Cortez. Concepção: Sonia Goussinsky, Claudia Maria de Vasconcellos, Lucia Oliveria e Lígia Cortez. Dramaturgia: Claudia Maria de Vasconcellos. Pesquisa: Sonia Goussinsky - "Era uma vez uma voz: o cantar ídiche, suas memórias e registros no Brasil". Músicos: Gabriel Levy e Sonia Goussinsky. Apresentação: 8 de novembro de 2014. Centro de Cultura Judaica.

2014 – "A dama do mar", de Susan Sontag, direção de Robert Wilson. Apresentação no XIV Festival Iberoamericano de Teatro de Bogotá, Colômbia, em abril de 2014.

2013 – "A dama do mar", de Susan Sontag, direção de Robert Wilson. SESC/Santos e SESC/Pinheiros.

2009 – "Maria Stuart", de Friedrich Schiller, direção de Antonio Gilberto.

2007 – "A história de Dona Genevra", de Luís Alberto de Abreu. Direção: Ednaldo Freire.

2005/ 2004 – "A entrevista", de Samir Yazbek. Direção: Marcelo Lazzaratto. Apresentações: circuito SESC/SP e na Mostra Universitária de Teatro de Brasília. Indicada ao Prêmio Shell na categoria de melhor atriz.

2001 – "Rei Lear", de William Shakespeare. Direção Ron Daniels. SESC/Vila Mariana.

1999 – "Cheque ou Mate", de Ricardo Semler, direção de Roberto Lage.

1998 – "Cacilda!", autoria e direção de José Celso Martinez Corrêa.

1992 – "De pernas pro ar", autoria e direção de Flávio de Souza. Teatro Célia Helena/SP.

1992 – "Tamara", de John Krizank, direção de Roberto Lage.

1991 – "Notícias silenciosas", autoria e direção de Hamilton Vaz Pereira.

1989 – "Decifra-me ou Devoro-te", de José Rubens Siqueira e Renato Borghi. Direção de Roberto Lage. Temporada: Teatro Igreja/SP.

1988 – "Pequenos burgueses", de Máximo Gorki. Direção: Jorge Takla.

1985 – "Oi, vento... tudo bem?", de Lygia Camargo Silva. Direção: Célia Helena. Temporada: Teatro Célia Helena.

1984 – "Romeu e Julieta", de William Shakespeare. Direção: Antunes Filho.

1984 – "Nelson 2 Rodrigues". Direção: Antunes Filho. Grupo Macunaíma.
Temporada: SESC/Anchieta.

1984/1985 – "O auto do frade", de João Cabral de Melo Neto. Direção: Fauzi Arap e Carlos Meceni. Temporada: Teatro São Pedro.

1982 – "Amadeus", de Peter Shaffer. Direção Flávio Rangel. Teatro Maria Della Costa.

1981 – "Nelson Rodrigues, o eterno retorno". Encenação a partir dos textos: "Álbum de família", "Os sete gatinhos" e "O beijo no asfalto", de Nelson Rodrigues. Direção: Antunes Filho. Grupo Macunaíma. Temporada: Teatro São Pedro e festivais internacionais.

Temporadas e apresentação em festivais de teatro com os espetáculos "Macunaíma" e "Nelson 2 Rodrigues", direção de Antunes Filho:

1984 – Festival of Perth. Perth, Adelaide e Melbourne, Austrália.

1984 – Olympic Arts Festival. Los Angeles, Estados Unidos da América.

1982 – II Festival Internacional de Madrid. Madrid, Espanha.

1982 – Temporada de 4 semanas no espaço Riverside Studios. Londres, Inglaterra.

1982 – Dublin Theatre Festival. Dublin, Irlanda.

1982 – Festival Hebbel Theater. Berlim, Alemanha.

1982 – Holland Festival. Amsterdam, Rotterdam e Haia, Holanda.

1982 – Festival Cervantino. Cidade do México, Guanajuato, México.

1982 – Fiestas Grandes. Milão e Roma, Itália.

1982 – Carré Sylvia Monfort. Paris, França.

1982 – Alabama Hall. Munique, Alemanha.

1981 – V Festival Internacional de Teatro. Caracas, Venezuela.

1981 – Lift – London International Festival of Theatre. Londres, Inglaterra.

1980 – "Macunaíma", de Mário de Andrade. Direção: Antunes Filho. Grupo Macunaíma. Temporadas: Teatro São Pedro e festivais internacionais.

1980 – "A barra do jovem". Criação coletiva do grupo Quem tá vivo sempre aparece. Direção: Célia Helena. Temporada: Teatro Célia Helena.

1979 – "Caleidoscópio". Criação coletiva. Coordenação: Beto Silveira e Acácio Valim Júnior. Teatro Célia Helena.

1977 – "O reverso da moeda". Criação coletiva. Coordenação: Beto Silveira e Acácio Valim Júnior. Temporada: Teatro-escola Célia Helena.

1977 – "Ao acaso das ruas". Criação coletiva baseada nos poemas de Cora Coralina. Grupo Quem tá vivo sempre aparece. Direção: Célia Helena. Temporada: Teatro Célia Helena.

ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS

2016 - Ações poéticas no parque do Ibirapuera, uma realização com as instituições parceiras: MAM e Academia de Arte Teatral da Suécia.

2014 - Seminário São Paulo: Cena Contemporânea. Coordenadora geral. Teatro Célia Helena: 25/01 a 06/02/2015. Realização: Escola Superior de Artes Célia Helena. Patrocínio: Instituto Raul Cortez e Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo.

- Seminário São Paulo: Cena Contemporânea. Apresentação de abertura. Teatro Célia Helena: 25/01/2015. Realização Escola Superior de artes Célia Helena. Patrocínio: Instituto Raul Cortez e Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo.

- Seminário São Paulo: cena Contemporânea. Mediadora da mesa de discussão: Como nascem os atores, com Antonio Luiz Dias Januzelli e Matteo Bonfitto. Teatro Célia Helena: 03/02/2015. Realização Escola Superior de artes Célia Helena. Patrocínio: Instituto Raul Cortez e Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo.

2012 – Ciclo de leituras dramáticas de peças britânicas em parceria com a Cultura Inglesa de São Paulo. Direção: Chiquinho Medeiros.
– Seminário Arte e Cultura Contemporâneas. Professor palestrante Jorge Louraço. Diretor, dramaturgo e professor da Escola de Música e Artes do Espetáculo – ESMAE/Porto/Portugal.

2011 – Curso intensivo de atuação: Apresentação e Representação. Direção do encenador mexicano Alberto Villarreal.
– Simposium de Dramaturgia Brasileña Contemporánea – Delegavión Coyoacán Colegio de Literatura Dramatica y Teatro de FFyl UNAM – Mexico e Escuela Superior de Artes Célia Helena de São Paulo/Brasil.Curadoria Lígia Cortez. Plenarias y mesas de lecturas dramáticas. Conferencista: Ricardo Kosovski.
Lecturas de textos brasileños por actores mexicanos, dirigidas por directores brasileños: "Aldeotas", de Gero Camilo. Dirección: Antonio Gilberto; "Nuestra vida no vale um Chevrolet", de Mario Bortolotto. Dirección: Marco Antonio Rodrigues; "Agreste", de Newton Moreno. Dirección: Marcelo Lazzaratto; "El fingidor", de Samir Yazbek. Dirección: Antonio Gilberto; "Nuevas directrices em tiempos de paz", de Bosco Brasil. Dirección: Marcelo Lazzaratto; "La dueña de la historia", de João Falcão. Dirección: Marco Antonio Rodrigues.
– Improvisação teatral - Teatro esporte – com Frank Totino.
– Os fundamentos de Stanislavski – VIII Encontro sobre o trabalho do ator. Curso com Valentin V. Tepliakov – professor de interpretação da Academia Russa de Arte Teatral-GITIS.
– Teatro latino-americano: rumos e aproximações. Palestras sobre o projeto Embaixada do teatro brasileiro. Uma retrospectiva sobre a viagem realizada em 15 países de língua portuguesa e espanhola. Palestrantes: Renato Borghi e Elcio Nogueira Seixas.

2010 – Tchékhov 150 anos – Ciclo de Palestras. Apontamentos histórico-estéticos do século XIX na Europa – Prof. Dr. Alexandre Mate; Tchékhov e o Teatro de Arte de Moscou: o Início- características e singularidades da obra do dramaturgo – Profa. Dra. Elena Vássina; Tchékhov no palco brasileiro: desafios e pertinências em montar as obras do dramaturgo russo na atualidade – Eduardo Tolentino, diretor de teatro.

2009 – Aula especial sobre Teatro Russo – Profª Elena Vássina.
– Workshop intensivo sobre o Método da Memória Sensorial, com Robert Castle, professor do Lee Strasberg Institute.
– A experiência do sistema de Stanislavski em Moscou: vivência e composição no trabalho – Prof. Ruy Cortez.
– palestra com Nydia Lícia, atriz, escritora e diretora teatral. Tema: O percurso do ator do TBC aos dias de hoje.
– palestra com Jorge Louraço Figueira, dramaturgo, crítico português e professor da Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo- ESMAE, do Porto/Portugal. Tema: Panorama Atual do Teatro e da Dramaturgia Portuguesa.
– Oficina de Dramaturgia do Ritual, com Jorge Louraço Figueira.
– Workshop com proposta de montagem do texto adaptado para teatro Gaviões e passarinhos, de Pier Paolo Pasolini, sob a direção do ator e diretor italiano, Gigi Dall' Aglio, professor de teatro da Universidade de Arquitetura de Veneza.
– Semana aberta para 20 ouvintes (10 estudantes e 10 profissionais) para acompanhar o processo de montagem, de "Gaviões e passarinhos", de Pier Paolo Pasolini, com o diretor Gigi Dall’Aglio.
– Série de palestras com Gigi Dall´Aglio, realizada na sede da FUNARTE/São Paulo.
– Palestra com o ator e diretor italiano Gigi dall´Aglio, realizada no Teatro SESC Consolação.

2008 – Curso sobre Os Fundamentos do Sistema de Stanislavski, com Valentin Teplyakov, professor de interpretação da Academia Russa de Arte Teatral-GITIS.
– Masterclass e apresentação de cenas e estudos realizados no curso Os Fundamentos do Sistema de Stanislavski com Valentin Teplyakov.
– Workshop intensivo sobre o Método da Memória Sensorial, com Robert Castle, diretor do Lee Strasberg Institute.
– Palestra sobre o Método da Memória Sensorial, com Roberto Castle, diretor de Lee Strasberg Institute.

2007 – Seminário: A Formação do Ator – Teatro-escola Célia Helena e Centro Cultural São Paulo:
27 de agosto – As Escolas: com Cristiane Paoli Quito (EAD); Renato Ferracini (UNICAMP); Marco Antônio Rodrigues (Teatro-escola Célia Helena);
28 de agosto – TBC e Arena: Nydia Licia e José Renato;
29 de agosto – Teatro Oficina: Etty Fraser e Renato Borghi – CPT – Centro de Pesquisa Teatral: Antunes Filho;
31 de agosto – De Renato Vianna aos dias atuais: Sebastião Milaré
– Projeto Caixa Cênica – Memória do Teatro – Homenagem a Raul Cortez. Curadoria Lígia Cortez / Caixa Cultural São Paulo.
– Workshop com Rena Mirecka – artista do The Grotowski Centre.

2007 – Seminário: A Formação do Ator. Realização Teatro-escola Célia Helena e Centro Cultural São Paulo.

2006 – Palestras sobre o teatro moderno. "O Drama Moderno e sua crise", com Iná Camargo Costa; "Henrik Ibsen e a condição dramática da vida burguesa", com Jorge Almeida; "Brecht e a dialética do Teatro musical", com Iná Camargo Costa; "Anton Tchekhov, o revolucionário discreto do Drama Moderno" com Elena Vássina; "Samuel Beckett – no limite do silêncio", com Fábio de Souza Andrade; "Dramaturgia e Encenação", com Walter Lima Torres; "Teatro, Performance e outras Interlinguagens", com Fernando Villar.

2005 – Workshop com Juliana Carneiro da Cunha. "O processo de criação do Théâtre du Soleil."

2004 – Dramaturgia de Abílio Pereira de Almeida, com Silnei Siqueira.
– Fundamentos do Método de Stanislavski – Oficina teatral com Valentin Vassilyevitch Teplyakov .
– Jornadas de Dramaturgia: "Cinco Reflexões em torno da Dramaturgia", com Luís Alberto de Abreu
– Iniciação à metodologia de trabalho durante os ensaios do Théâtre du Soleil com Juliana Carneiro da Cunha.

2002 – Ciclo de palestras em comemoração aos 25 anos do Teatro-escola Célia Helena. Tema: O Ator e o Pensamento criador.
– A formação do ator. Palestras com Valentin Teplyakov, decano da Academia Russa de Arte Teatral; O corpo do ator, com Karen Wentworth, mestre na Técnica Alexander; O ator-autor, com Antonio Mercado, diretor brasileiro da Universidade de Coimbra.

1997 – Curso de Aprofundamento do Texto Teatral, com Raul Cortez e Roberto Lage

1995 – A formação do ator. Encontros de estudos com Hamilton Vaz Pereira; "Análise e Interpretação do Texto Teatral." Texto selecionado para análise: "Antígone", com Nydia Lícia; "O mundo da Interpretação", com Rubens Corrêa.

1993 – O trabalho técnico de voz e corpo, com Ana Kfouri
– Palestra: "A Imaginação Criadora", ministrada pelo filósofo e pensador José Américo Motta Pessanha.
– "Compreendendo as faixas etárias", com Odete Coster, psicanalista.

ATIVIDADES EM ARTE E EDUCAÇÃO

De 1999 a 2013 – Professora convidada na área de Direção de Atores na Faculdade de Cinema/RTV na ECA/USP.
- Diretora artística do Teatro-escola Célia Helena desde 1987.
- Criadora e Diretora artística da Casa do Teatro desde 1983.
- Editora responsável da revista acadêmica "Olhares" da Escola Superior de Artes Célia Helena desde 2009.
- Editora responsável do livro "Teatro da América Latina", 2004.
- Coordenadora artística do Curso de Treinamento e Estudo da Prática Teatral Aplicada à Arte-Educação da Casa do Teatro desde 1983.

1999 a 2010 – Coordenadora das atividades teatrais do Museu de Arte Moderna de São Paulo – MAM.

2002 – Responsável pela implementação da atividade de Teatro na Escola Nova Lourenço Castanho para os alunos do Ensino Médio.

2001 – Palestrante na 2a Mostra de Artes Cênicas da EMIA – Escola Municipal de Iniciação Artística de Santo André.

1998 – Participou como debatedora do programa Roda Viva sobre arte-educação realizado com Ana Mae Barboza.

1995 a 1997 – Coordenadora das oficinas de Teatro no Congresso para Estudantes de Magistério do Grupo.

1997/98 – Prestou assessoria para o programa Oficinas Culturais da Rádio e Televisão Cultura (RTC).

1996 – Participou da mesa de educadores do V Festival Internacional de Artes Cênicas organizado pela atriz Ruth Escobar.

1993 a 1996 – Coordenadora educacional do projeto de integração dos professores da Escola Lourenço Castanho através da prática teatral.

1994 – Coordenadora das oficinas de Teatro para os professores do V Congresso para Educadores do GRUPO – Associação das escolas particulares de São Paulo.

1992/93 – Prestou assessorias para o programa "Castelo Rá-Tim-Bum". Rádio e Televisão Cultura – RTC.

ATIVIDADES EM PROJETOS SOCIAIS

Desde 2007 – Coordenadora e supervisora artística dos processos de montagem dos grupos de teatro de escolas públicas, particulares e de instituições de terceiro setor que participam do Projeto Conexões, desenvolvido em parceria com o British Council, Cultura Inglesa, Colégio São Luís e National Theater.

Desde 2007 – Editora responsável pela publicação Projeto Conexões: nova dramaturgia para jovens. Coletânea de textos especialmente escritos por dramaturgos brasileiros e ingleses para jovens na faixa de idade entre 12 e 19 anos.

2003/2004 – Responsável pela implantação e implementação do trabalho de Teatro e Dança junto à Federação Israelita no POF – Posto de Orientação Familiar/Favela Porto Seguro.

2000/2001 – Responsável pela implantação e implementação da área de Teatro na Associação Arte Despertar nos projetos: SOS Aldeia, Favela Paraisópolis e IOP.

1999/2000 – Responsável pela implantação e implementação do trabalho de Artes na Fundação Gol de Letra dos jogadores Raí e Leonardo no projeto Virando o Jogo.

DEMAIS ATIVIDADES ARTÍSTICAS/CULTURAIS

2014 - Projeto: Fauzi Arap. Leitura do texto "O mundo é um moinho". Direção de Mário Bortolotto. Realizada no dia 16/12/2014, no Centro Cultural FIESP Ruth Cardoso/São Paulo.

Programa: Jô Soares. Apresentação: Jô Soares. Homenagem ao diretor e dramaturgo Fauzi Arap. Veiculado no dia 02/12/2014. Rede Globo de Televisão.

Programa: Roda Viva. Apresentação: Augusto Nunes. Entrevistado: Juca Oliveira. RTC – Rádio e Televisão Cultura/São Paulo. Veiculado dia 04/08/2014.

Programa: Roda Viva. Apresentação: Augusto Nunes. Entrevistada: Irene Ravache. RTC – Rádio e Televisão Cultura/São Paulo. Veiculado dia 19/05/2014.

portal do aluno política de privacidade contato ouvidoria blog twitter facebook instagram youtube