Teatro Musical – Das telas aos palcos, dos palcos às telas

Com Aurora Dias e Beto Bellinati

De 28 de abril à 14 de julho às quartas-feiras, das 17h às 20h, via plataforma Zoom.

Construir pequenas encenações coletivas, a partir das canções escolhidas. Qualificar a interpretação da canção, através do desenvolvimento de técnicas vocais e do estudo da letra/texto. Apresentar/gravar o resultado final. Sem necessidade de aprendizado anterior.

Com a ajuda e curadoria dos professores, aprenda a escolher uma música, estudá-la e interpretá-la. Durante os três meses do curso, construiremos uma encenação para cada canção, em que todos os alunos poderão participar em diferentes momentos, atuando nos números dos companheiros, como um “coro”, além de cantar sua própria canção.

Serão utilizados filmes musicais que foram ao palco e vice versa (Frozen, Alladin, Anastacia, Mean Girls, A Pequena Sereia, Rei Leão, Moulin Rouge, Hairspray, O Rei do Show, Shrek…)

    Inscrição on-line










    Aurora Dias é atriz, cantora e preparadora vocal. Seus principais trabalhos incluem:

    Show dos Famosos, Artista Completão (Globo), A Noviça Rebelde, Cauby, Cauby: Uma Lembrança, Elis: a Musical, Quase Normal, Muita Mulher Pra Pouco Musical, Missa dos Quilombos, O Beijo no Asfalto (Teatro). Tem Mestrado em Teatro Musical pela RCSSD em Londres, pós-graduação em Teatro Musicado pela UNIRIO, Licenciatura em Artes Cênicas pela UFBA.

    Foi professora universitária no Instituto CAL e atualmente trabalha no Célia Helena e na NEON Artes

    Beto Bellinati  é professor, ator, músico e poeta. Seus trabalhos mais recentes como ator incluem: A casa de farinha do Gonzagão, onde também atuou como músico, e ator substituto no espetáculo Terror e Miséria no Terceiro Milênio, com o Núcleo Bartolomeu de Depoimentos. Graduado em Licenciatura Plena em Educação Artística – Artes Cênicas pela UNESP e formado no curso técnico da EAD – Escola de Arte Dramática da USP. Professor de Teatro para pessoas de todas as idades na Escola Ágora, no Curso Técnico do Célia Helena e no Colégio EMECE Internacional. Também atua, dirige e escreve, tanto para seus alunos, quanto profissionalmente. Em 2017 lançou Iceberg, seu primeiro livro de poesias.

     

    Regulamento